quinta-feira, 17 de março de 2011

ORAÇÕES A NOSSO SENHOR DOS PASSOS










(De Santo Afonso de Ligório -

Pode-se rezar nas sextas-feiras, especialmente na Quaresma

e nos dias da semana da Paixão e da Semana Santa.

É bom rezá-la também com a família e outras pessoas)





Dulcíssimo Jesus, no Horto das Oliveiras, triste até a morte, profundamente angustiado, oprimido da agonia, coberto de suor de sangue.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, pelo ósculo traidor, entregue às mãos dos Vossos inimigos, maltratado, atado e preso com cordas abandonado pelos discípulos.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, pelo injusto conselho dos judeus, julgado réu de morte, entregue a Pilatos, desprezado e escarnecido pelo ímpio Herodes.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, despido, preso a uma coluna e açoitado cruelmente.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, coroado de penetrantes espinhos, ferido na sagrada cabeça com uma cana; vestido por escárnio, de um manto de púrpura, saciado de opróbrios.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, mais odiado que um ladrão e um assassino, reprovado pelos judeus condenado à morte de Cruz.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.




Dulcíssimo Jesus, carregado com a pesada Cruz, caído por terra, levado ao Calvário, como o cordeiro em matadouro.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, homens das dores, despojado das Vossas pobres vestiduras, contado entre os criminosos imolado em sacrifício pelos nossos pecados.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, cravado cruelmente na Cruz, ferido dolorosamente por causa das nossas iniquidades, quebrantado por causa das nossas culpas.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, escarnecido ainda na Cruz, atormentado e oprimido de dores inefáveis, consumido de sede, abandonado na mais dolorosa agonia pelo próprio Pai celestial.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, morto na Cruz, transpassado por uma lança, a vista de Vossa dolorosa Mãe.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, descido da Cruz, depositado nos braços de Vossa santíssima Mãe e banhado em Suas lágrimas.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





Dulcíssimo Jesus, ungido e embalsamado pelos discípulos amantes com preciosos aromas e envolvido em lençóis limpos e depositado no Santo Sepulcro.





- Tende piedade de nós, Senhor, tende piedade de nós.





V. Ele tomou verdadeiramente sobre Si as nossas iniquidades.

R. E as nossas dores Ele mesmo suportou.





















Oração: 

 Ó Jesus, Filho Unigênito de Deus e da Virgem Imaculada, que pela salvação do mundo quisestes ser reprovado pelos judeus, traído por Judas, atado com cordas conduzido como um cordeiro, apresentado injustamente aos juízes Anás, Caifás, Pilatos e Herodes, acusado por falsas testemunhas, ferido com pancadas, saciado de opróbrios e injúrias, cuspido no rosto, açoitado barbaramente, coroado de espinhos, condenado a morte, despojado dos vestidos, condenado a morte, pregado com toda a crueldade na Cruz, suspenso entre dois ladrões, vexado, com fel e vinagre, abandonado em tormentosa agonia e finalmente transpassado por uma lança.

Por estes tormentos, Senhor, dos quais nós, indignos filhos Vossos, agora com devoção, gratidão e amor nos lembramos, e pela Vossa santíssima morte na Cruz, livrai-nos das penas eternas do inferno, e dignai-Vos conduzir-nos ao paraíso, onde levastes conVosco o bom ladrão.

Tende piedade de nós, ó Jesus, que com o Padre e o Espírito Santo viveis e reinais por todos os séculos dos séculos.





Amém.





(Oração retirado do livreto: Venha a nós o Vosso Reino, manual de piedade para as alunas das irmãs missionárias do Sagrado Coração de Jesus, 1959, com imprimatur)














ORAÇÃO 2:

Meu Jesus, Senhor dos Passos, açoitado, coroado de espinhos, escarnecido e cuspido, condenado à morte, carregado com a cruz, caído por terra, pregado no madeiro, Vós sois a vítima das iniquidades!



Eu quero acompanhar os Vossos dolorosos passos, rumo ao Calvário, em cujo cimo consumiu-se a Vossa vida, mas do Vosso sacrifício brotou a nossa salvação.



Senhor dos Passos, perdoai minhas maldades e apagai os pecados de todo o mundo.



Meu Jesus, Senhor dos Passos, tende piedade de nós.






Um comentário:

  1. Senhor Filho de DEUS VIVO,sofreu por todos nós tenha misericórdia de nós pobres pecadores,buscamos em vós a nossa ESPERANÇA e nossa SALVAÇÃO....

    ResponderExcluir